Festival Internacional de Teatro Infantil chega à 8ª edição com mais de 50 atividades artísticas em três cidades do Ceará

O TIC acontece de 6 a 15 de outubro com programação gratuita em Fortaleza, Sobral e São Gonçalo do Amarante. Entre os destaques, Rosa Primo estreia “Iracema” e Samia Bittencourt apresenta “Nada de Música”, performance criada especialmente para o Festival.

Ocupar ruas, praças e teatros com as mais diversas artes, sugerindo a crianças de todas as idades que “quebrem a corrente” que as prende à TV, ao tablet ou ao celular e saiam de “suas cavernas”. Inspirada no Mito da Caverna de Platão, essa é a proposta do TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará, que chega à 8ª edição de 6 a 14 de outubro. São mais de 50 atividades artísticas de diversas linguagens, realizadas em Fortaleza (6 a 13/10), Sobral (10 a 14/10) e São Gonçalo do Amarante (14/10). Toda a programação é gratuita.

Nos espaços cênicos, 17 atrações locais, nacionais e internacionais apresentam espetáculos de teatro, circo, música, teatro de rua, palhaçaria, teatro de animação, teatro para bebês, dança e performance, originalmente destinadas ao público infantil, mas que despertam a atenção de público de todas as idades. Exibições de filmes da Mostra ComKids e oficinas também marcam a programação do Festival.

Em Fortaleza, o 8º TIC faz jus à sua proposta de promover a arte que ocupa, e espalha espetáculos por espaços diversos. São eles: Centro Cultural Banco do Nordeste, Theatro José de Alencar, Centro Cultural Belchior, Centro Cultural Grande Bom Jardim, Hospital Infantil Albert Sabin, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (Cinema do Dragão, Espaço Arena Dragão do Mar, Teatro Dragão do Mar), Porto Dragão e a Rua Dragão do Mar, ao lado da Escola Porto Iracema das Artes. Em Sobral acontece na Casa da Cultura, Theatro São João, Praça São João e Hospital Regional do Norte. Nesta edição o Festival chega a São Gonçalo do Amarante, no litoral oeste do estado, com atividades na Praça da Igreja Matriz.

Apresentado pelo Ministério da Cultura e Enel, o 8º TIC é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura, via Lei Federal de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio do Banco do Nordeste (BNB), da Aeris e da Alliance Química. Apoio institucional: Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. Parceria: Instituto Francês, Consulado Geral da França em Recife para o Nordeste, Spectacle Vivant en Bretagne, comKids, Elemidia, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de São Gonçalo, Prefeitura de Sobral, ECOA e Prefeitura Municipal de Fortaleza, através do Instituto Iracema e da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara. Agradecimento: Enel.

AS ATRAÇÕES
Desde sua criação o TIC vem conquistando um público cada vez mais fiel, pela criteriosa escolha dos artistas, companhias e seus respectivos espetáculos. São todos nomes respeitados em suas artes e na promoção da cultura para a infância.

Da França o TIC recebe Séverine Coulon, atriz, marionetista e diretora teatral há 20 anos. A artista francesa se destaca junto ao público infantil e adulto pelo primor visual de seus trabalhos. No Festival apresenta “Filles & Soie” (Meninas & Seda), que trata de questões relacionadas às obsessões da estética feminina.

O Teatro Engrenaje, do Chile, que vem circulando pela América Latina e pela Europa, traz ao TIC o espetáculo “Micromundo”. Com mais de 10 anos de experiência em pesquisa e criação teatral, o grupo tem uma trajetória marcada por espetáculos criativos e oníricos que mesclam teatro de animação, teatro físico e máscaras. Em 2007, recebeu o título de “Reconhecimento pela Criatividade no Palco” pelo Ministério da Cultura do Chile.

A Artesanal Cia de Teatro, fundada em 1995 no Rio de Janeiro, é referência nacional em espetáculos para o público infantil e jovem. A companhia traz o espetáculo de teatro de animação “O homem que amava caixas”.

A Cia Studio Sereia, de Brasília, está de volta ao TIC para apresentar Música nas Incubadoras, trabalho que desenvolve em hospitais junto a recém-nascidos, e o espetáculo “O Farol”, que une dança e música, destinado a crianças de 6 meses a 4 anos. Fundado pela cantora, multinstrumentista, compositora, diretora e atriz Fernanda Cabral, o grupo se dedica, sobretudo, ao teatro para bebês, tendo como destaque a experiência da sua fundadora junto à companhia hispano-brasileira La Casa Incierta.

Também de Brasília o TIC recebe a Cia Circo Rebote, com dois espetáculos, “Inka Clown Show” e “Tome sua Poltrona”. Criado em 2004 pela dupla de acrobatas e palhaços Atawallpa Coello e Erika Mesquita, o grupo já participou de diversos festivais no Brasil e em países como Alemanha, Chile, Suíça, entre outros, com destaque para o Festival de Avignon, na França.

A pernambucana Odília Nunes vem ao Festival acompanhada por “Ester”, uma boneca de 18cm de altura, que a artista manipula com os dedos das mãos. Sem precisar das palavras, a marionete emociona as pessoas com seus pequenos gestos, seu olhar e seu carinho. Odília Nunes tem sua carreira marcada por teatro de rua, circo, palhaçaria e cultura popular. Seus trabalhos já passaram por diversas cidades do Brasil, da Espanha, de Portugal e do Chile.

Outro espetáculo é “Iaiá e os Erês”. Iaiá faz comidas mágicas, colhe flores encantadas e caça diamantes na lua; além de cantar, dançar e tocar sua guitarra acompanhada da banda de Erês. Tendo estreado em julho deste ano, “Iaiá e os Erês” reúne músicas de Iara Rennó e compositores mirins, como os filhos de Anelis Assumpção, Moreno Veloso e Nina Becker. As canções fazem parte do programa Pratinho da Iaiá, da TV Rá Tim Bum.

ATRAÇÕES CEARENSES
Com espetáculos de circo, teatro, música e dança, os artistas cearenses têm um destaque especial no 8º TIC. São sete atrações com espetáculos nas três cidades e mais duas com oficinas de Circo (Grupo Garajal), de Sonoridade e de Cata-vento (Marcos Maracatu) e de Skate (Tiago Studart e Tucano).

O grupo Comedores de Abacaxi S/A participa com dois trabalhos, “Festa na Fazenda”, um show onde reúne músicas autorais que dialogam com consagrados compositores brasileiros, e o espetáculo teatral “A Galinha do Papo de Pérolas”, que estreia no 8º TIC. Formado em 2016, o grupo fez parte do Laboratório de Pesquisa Teatral da Escola Porto Iracema das Artes.

A atriz e bailarina Samia Bittencourt, que atua desde 1993, dá vida à Palhaça Nada, com a qual ganhou quatro prêmios no espetáculo “Nada, Nenhum e Ninguém” (1997). No TIC ela apresenta “Nada de Música”, performance criada especialmente para o Festival. A plalhaçaria também marca o trabalho da Cia Laguz Circo, que está no Festival com o espetáculo “Suspiros e Burbujas”. Nele, cria uma atmosfera mágica, um encontro espontâneo do público que se aproxima pelo encantamento do palhaço, da palhaça, das bolhas gigantes e da música ao vivo.

A bailarina Rosa Primo, professora do Curso de Dança da Universidade Federal do Ceará (UFC), com doutorado e mestrado em Sociologia pela mesma instituição, pesquisa sobre a obra “Iracema” de José de Alencar, a partir da qual cria um trabalho infantil e outro adulto. No TIC, estreia o espetáculo para crianças a partir de 5 anos.

O Pavilhão da Magnólia reapresenta no TIC o espetáculo que estreou na 5ª edição do Festival, “Ogroleto”, que tem a direção de Miguel Vellinho da Cia PeQuod (RJ). O grupo, criado em 2005, tem se destacado na cena teatral cearense e circulado pelo país com espetáculos para o público adulto e infantil.

O Grupo Mirante de Teatro Unifor, com 33 anos de existência, é destaque na história do teatro infantil cearense. O grupo possui, atualmente, em seu repertório, sete espetáculos e várias contações de histórias e apresenta, no TIC, “O pequeno Príncipe”, uma adaptação do livro homônimo de Antoine de Saint-Exupéry.

O Coletivo WE e o EmFoco Grupo de Teatro estão juntos no espetáculo “Para onde vão as meias quando elas desaparecem?”, que estreou em 2017, ano de criação do Coletivo WE, que pesquisa a arte contemporânea através da hibridização das linguagens. Em uma relação artístico-acadêmica já apresentou trabalhos em universidades como UFPB, UFC e USP.

Quem também participa desta edição do TIC é a Blitz Intervenções, que há 11 anos atua no Ceará criando e executando intervenções artísticas. Em 2015 o grupo ingressou no segmento infantil com personagens temáticos e no Festival presenta seu projeto musical para crianças, que é a banda BBK – Blitz Banda Kids.

MOSTRA COMKIDS
O TIC apresenta 22 produções audiovisuais produzidas no Brasil, na Argentina, na Colômbia e no Uruguai que abordam temas como cidadania, identidade, família, entre outros. A Mostra é uma das ações do comKids (www.comkids.com.br), iniciativa que reúne e articula profissionais do setor de mídia e cultura para a infância e a adolescência no Brasil, na América Latina e na Península Ibérica. No Festival, são quatro sessões, divididas por faixa etária: Sessão Pipoca (até 5 anos), Sessão Pipa (até 5 anos), Sessão Pingue-Pongue (a partir de 6 anos) e Sessão Bambolê (a partir de 6 anos).

SERVIÇO
TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará – Em Fortaleza (6 a 13/10), Sobral (10 a 14/10) e São Gonçalo do Amarante (14/10). Toda a programação é gratuita. Informações: 85 3048.6077, fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Instagram: @festival_tic. Facebook: TIC – Festival de Teatro Infantil do Ceará.

Locais:
Em Fortaleza – Centro Cultural Banco do Nordeste (Rua Conde d’Eu, 560 – Centro), Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 – Centro), Centro Cultural Belchior (Rua dos Pacajús, 123 – Praia de Iracema), Centro Cultural Grande Bom Jardim (Rua 3 Corações, 400 – Bom Jardim), Hospital Infantil Albert Sabin (Rua Tertuliano Sales, 544 – Vila União), espaços do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura – Cinema do Dragão, Espaço Arena Dragão do Mar, Teatro Dragão do Mar (Rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema), Porto Dragão (Rua Boris, 90 – Praia de Iracema) – e a Rua Dragão do Mar (ao lado da Escola Porto Iracema das Artes). Em Sobral – Casa da Cultura (Av. Dom José, 929 – Dom José), Theatro São João (Praça São João, 156 – Centro), Praça São João (Centro) e Hospital Regional do Norte (Av. John Sanford, 1505 – Junco). Em São Gonçalo do Amarante – Praça da Igreja Matriz (R. Cel. Barroso, 516-564 – Centro).

ASSESSORIA DE IMPRENSA:
Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira
Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 (Sônia)
degage@degage.com.br / www.degage.com.br
Instagram e Twitter: @degage_imprensa / f: degageassessoria

Dragão do Mar realiza tradicional bailinho de Carnaval infantil neste domingo (4), com o “Baile TIC”

Fruto da parceria entre o centro de arte e cultura e o Festival de Teatro Infantil do Ceará, o Baile TIC integrará múltiplas linguagens, trazendo atrações de música, circo e artes visuais, para homenagear a cultura cearense

 

Desde 2005, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura realiza, anualmente, seu bailinho infantil de Carnaval, que já se firmou no calendário cultural do Estado. Este ano, o Dragão somou forças com o Festival de Teatro Infantil do Ceará e agora realiza, neste domingo (4), a partir das 16h, na Praça Verde do Dragão, o Baile TIC. A programação, inteiramente gratuita, traz apresentações artísticas de música, circo, artes visuais e cultura popular, além do “Brincando e Pintando no Dragão”, com brincadeiras e jogos orientados por monitores.

Segundo o Diretor de Ação Cultural do Dragão do Mar, João Wilson Damasceno, unir a tradição do bailinho, já realizado há 12 anos, com a vitalidade e a expertise do TIC contribui ainda mais para consolidar a programação, pensada para agradar toda a família. “A ideia é manter a essência dos carnavais mais tradicionais e ao mesmo tempo promover um ambiente lúdico e gratuito de contato com as artes e a cultura popular, proporcionando experiências estéticas diferenciadas, que possam encantar públicos de todas as idades”, afirma João Wilson.

 

MÚLTIPLAS LINGUAGENS

Abrindo a programação do Baile TIC, a artista visual Simone Barreto orienta a oficina de confecção de máscaras. Outra atração imperdível para os apreciadores de artes visuais é o Ilustra TIC, intervenção de ilustração que já acontece no Festival TIC há dois anos e que agora ganha edição carnavalesca. Os ilustradores Rafael Limaverde, Julião Júnior e Thyago Cabral criarão personagens inusitados e inspirados na cultura popular cearense em totens de caixas de papelão, que depois poderão ser manipulados pelos brincantes.

E por falar em brincadeira, quem estiver pelos espaços do Dragão não se surpreenda com a trupe itinerante de percussionistas, acrobatas e malabaristas que passará pelo local. Será o Grupo Garajal de Teatro que, em cortejo, conduzirá os visitantes do centro de arte e cultura a um animado passeio até a Praça Verde, onde também se apresenta a dupla Paula Tesser e Natasha Faria. Com o projeto “Doidice que dá“, as performáticas cantoras unem elementos cênicos, dança e muita irreverência para apresentar um repertório repleto de sucessos de compositores cearenses, como Fausto Nilo, Valdo Aderaldo e Chico Anysio, além de clássicos do repertório infantil da MPB.

  

CONCURSO DE FANTASIAS

Para encerrar o Baile TIC, um desfile de fantasias infantis será realizado e o público e um júri artístico elegerão as caracterizações mais criativas, com destaque para as fantasias que façam referência à cultura do Ceará. Os vencedores receberão livros infantis de autores cearenses, entre eles, Socorro Acioli, Kelsen Bravos, Ana Neo, Eurico Bivar, e outros.

Apresentado pelo Governo do Ceará, o Baile TIC é uma realização do Instituto Seara e do Instituto Dragão do Mar, via Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.  Conta com apoio da Secretaria de Cultura do Ceará (SECULT), por meio do XII Edital Carnaval do Ceará 2018, e com produção da Invento Produções Culturais.

 

 PROGRAMAÇÃO

 16h – Oficina de máscaras com Simone Barreto

Ilustra TIC, intervenção artística com os ilustradores Rafael Limaverde, Julião Júnior e Thyago Cabral

Cortejo com o Grupo Garajal

17h – Show “Doidice que dá” com Paula Tesser e Natasha Faria

18h – Premiação das melhores fantasias infantis

 

  SERVIÇO: Baile TIC – Carnaval Infantil no Dragão do Mar
Dia 4 de fevereiro de 2018, das 16h às 18h, na Praça Verde do Dragão do Mar (Rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema, Fortaleza-CE)
Acesso gratuito.
Classificação etária: Livre.
Mais Informações: 3488.8600 / www.dragaodomar.org.br e www.festivaltic.com.br

Facebook: Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
Instagram: @dragaodomar

Últimos dias do TIC em Sobral com teatro, música e cinema

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará aconteceu de 06 a 12 em Fortaleza e estará até o dia 16 em Sobral. Toda a programação tem acesso gratuito.

Com espetáculos de teatro, música e cinema, termina no dia 16, segunda-feira, em Sobral, o 7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. Neste final de semana, a programação estará no Sumaré, Jaibaras e Anfiteatro da Margem Esquerda.  Confira as atrações:

Cinema no Sábado (14)

 

Sábado é dia de cinema com a mostra TIC na Tela. O Festival leva curtas de animação produzidos na França ao Sumaré e distrito de Jaibaras. Em cada local haverá duas sessões, uma às 19h, especialmente para crianças com até 6 anos, e uma às 19h40 para público acima dos 6 anos de idade.

 

Programação na Margem Esquerda no Domingo (15)

 

A cantora, violonista e compositora Badi Assad, de São Paulo, uma das artistas mais inovadoras e singulares da música brasileira, chega a Sobral com o show musical Cantos de Casa. Transcendendo suas raízes brasileiras, ela faz uma mistura que vai desde a MPB, pop e world music, até o jazz e sons étnicos de todo o mundo. A apresentação será no domingo, dia 15, às 19h, no Anfiteatro da Margem Esquerda.

 

Antes do show de Badi Assad, quem se apresenta às 18 horas no local é a companhia teatral K’Os Coletivo, do Ceará, com Guerra de Cup&Cake. O espetáculo conta a história de dois mestres-cucas experts em doces que lutam por um mesmo objetivo: o prêmio de maior e melhor confeiteiro da cidade de Mascavo. Um se chama Cup e o outro, Cake. O que eles não esperavam é que, nessa briga, eles juntos iriam criar um doce que passaria a ser conhecido em todo o mundo: o Cupcake.

 

Segunda-feira (16) para escolas

 

E encerrando o 7º TIC, o K’Os Coletivo faz duas apresentações na segunda-feira, exclusivas para escolas e projetos sociais. Será às 9h e às 14h no Theatro São João.

 

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º TIC é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturágua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

SERVIÇO

7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. Até dia 16 de outubro em Sobral. Informações: (85)3048.6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Programação GRATUITA.

 

TIC EM SOBRAL

 

 

14/10/2017 (sábado)

 

19h – Mostra TIC na Tela – Curtas Infantis Franceses

Recomendado para crianças com até 6 anos

Locais: Sumaré e Jaibaras

 

19h40 – Mostra TIC na Tela – Curtas Infantis Franceses

Recomendado para crianças a partir de 6 anos

Locais: Sumaré e Jaibaras

 

15/10/2017 (domingo)

 

18h – Guerra de Cup&Cake – K’Os Coletivo (Ceará)

Recomendado para todas as idades

Local: Anfiteatro da Margem Esquerda

 

19h – Cantos de CasaBadi Assad (São Paulo)

Recomendado para todas as idades

Local: Anfiteatro da Margem Esquerda

 

16/10/2017 (segunda-feira)

 

9h* e 14h* – Guerra de Cup&Cake – K’Os Coletivo (Ceará)

Recomendado para todas as idades

Local: Theatro São João

 

* sessão para escolas e projetos sociais

 

ENDEREÇOS:

THEATRO SÃO JOÃO (Praça São João, 156 – Centro, Sobral – CE)

ANFITEATRO DA MARGEM ESQUERDA (Margem esquerda do Rio Acaraú, ao lado do Museu Madi – Sobral -CE)

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

DÉGAGÉ

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira

degage@degage.com.br / www.degage.com.br

Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913

Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria

 

2017

Rua Confúcio Pamplona, 340 – Benfica
Fortaleza • CE • Brasil • CEP: 60015-390
+55 (85) 3252-5401 | +55 (85) 9 8902-6992 (WA)
degage.com.br | @degage_imprensa

7º TIC chega a Sobral nesta quarta-feira (11) com teatro, música e cinema de animação

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará acontece de 06 a 12 em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. Toda a programação tem acesso gratuito.

Concerto em Ri Maior, com a Cia dos Palhaços, do Paraná. Foto: Nilton Russo

 

Com um espetáculo de teatro para bebês, começa em Sobral nesta quarta-feira, dia 11 de outubro, a programação do 7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará, que teve abertura no dia 6 em Fortaleza. Ao longo de seis dias – 11 a 16 de outubro – Sobral recebe oito apresentações de cinco atrações locais e nacionais, além de quatro sessões de curtas-metragens franceses de animação, que compõem a mostra TIC na Tela.

 

Quem abre o TIC em Sobral é o grupo cearense Zepelim conte outra vez, no Theatro São João, com o teatro para bebês Borboletário. Destinado a crianças entre 6 meses e 4 anos de idade, o espetáculo é uma narrativa sobre o nascimento e a transformação, contada a partir do jogo entre o ator, os pais e a recepção poética dos bebês. Na quarta-feira, 11, serão duas apresentações exclusivas para creches e projetos sociais, às 9h e 14h, e na quinta-feira, dia 12, às 18h, para o público em geral.

 

ESTREIAS – A Cia Prisma de Artes faz duas estreias nesta edição do TIC. Em Sobral, no Dia das Crianças, 12 de outubro, estreia o show musical Era Uma Vez Canta a Infância, composto de canções autorais e de domínio público, bem como pequenos contos e brincadeiras cantadas que proporcionam momentos de interação e diversão para toda a família. Na sexta-feira, dia 13, o grupo sobe ao palco do Theatro São João às 18h com a montagem teatral A menina que buscava o sol, com direção de Herê Aquino.

 

Do Paraná, o Festival recebe a Cia dos Palhaços com a comédia musical Concerto em Ri Maior, um divertido espetáculo que mescla música, dança, improvisação, participação da plateia e, claro, muita palhaçada. Criado em 2004, o grupo é hoje composto por Eliezer Vander Brock (Palhaço Wilson), Felipe Ternes (Palhaço Sarrafo) e Nathalia Luiz (Palhaça Tinoca). Recomendado para todas as idades, o espetáculo será apresentado no dia 13, às 19h, no Theatro São João.

 

A cantora, violonista e compositora Badi Assad, de São Paulo, uma das artistas mais inovadoras e singulares da música brasileira, estará em Sobral com o show musical Cantos de Casa. Transcendendo suas raízes brasileiras, ela faz uma mistura que vai desde a MPB, pop e world music, até o jazz e sons étnicos de todo o mundo. A apresentação será no domingo, dia 15, às 19h no Anfiteatro da Margem Esquerda.

 

O K’Os Coletivo, do Ceará, é quem encerra a programação em Sobral, onde apresenta nos dias 15 e 16 seu mais recente trabalho, Guerra de Cup&Cake, uma comédia com palhaços, destinada a público de todas as idades. No dia 15, será para o público em geral, às 18h, no Anfiteatro da Margem Esquerda. No dia 16, estará no Theatro São João, às 9h e 14h, em sessões exclusivas para escolas e projetos sociais.

 

TIC NA TELA

 

A França está presente no Festival com a Mostra TIC na Tela, exibindo curtas de animação produzidos na França. Em Sobral, a mostra acontece no dia 12 em Terrenos Novos e no distrito de Aprazível, e no dia 14 em Sumaré e no distrito de Jaibaras. Em cada local haverá duas sessões, uma às 19h, especialmente para crianças com até 6 anos, e uma às 19h40 para público acima dos 6 anos de idade.

 

O cinema de animação, eixo fundamental da sétima arte na França, apresenta uma pluralidade de olhares sobre a diversidade da sociedade francesa e sobre a sua História. Olhares de crianças sobre o mundo, olhares de adultos sobre a infância. São muitas as janelas sobre a França e as suas conexões com os outros continentes. São contos universais ou pequenas poesias animadas para pensar e rir.

 

Filmes recomendados para crianças com até 6 anos: O som das chamas (3 min. 2014. Coletivo LISAA / escola), A migração das bretãs (2 min. 2004. Coletivo – Les Gobelins /escola), Ao fim do mundo (8 min. 1999. Konstantin Bronzit), O balé (4 min. 2012. Louis Thomas), O fabricante de instrumentos (4 min. 2013. Vincent Debuire), A luva (8 min. 2014. Clémentine Robach), Oktapodi (3 min. 2017. Coletivo – Les Gobelins / escola) e O príncipe pequeno demais (7 min. 2001. Zoïa Trofimova).

 

Filmes recomendados para crianças a partir de 6 anos: 5 metros 80 (5 min. 2013. Nicolas Deveaux), Lwas (2 min. 2012. Mathilde Vachet), 3 pequenos pontos (3 min. 2010. Coletivo – Les Gobelins / escola), À francesa (7 min. 2012. Coletivo – Escola de Arles), Primeiro domingo de agosto (12 min. 2000. Florence Miailhe), Flutuando na minha mente (3 min. 2013. Hélène Leroux – Les Gobelins / escola), O gato de apartamento (7 min. 1999. Sarah Roper), Adiante, em marcha! (4 min. 2013. Coletivo – ESMA / escola) e Sob os seus dedos (12 min. 2014. Marie-Christine Courtès).

 

Com acesso totalmente gratuito, o 7º TIC acontece de 6 a 12 em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. A programação pode ser consultada no www.festivaltic.com.br. O Festival é apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel. Realização: Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturágua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

SERVIÇO

7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. De 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. Endereços: Theatro São João (Praça São João, 156 – Centro) e Anfiteatro da Margem Esquerda (Margem esquerda do Rio Acaraú, ao lado do Museu Madi). Informações: (85)3048.6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Programação GRATUITA.

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

DÉGAGÉ

 

 

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira

degage@degage.com.br / www.degage.com.br

Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913

Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria

 

2017

Domingo é dia de TIC!

Cinema, espetáculos para bebês e para todas as idades neste domingo (08) no 7º Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. O acesso é gratuito.

 

Dica para os papais e mamães de plantão com a criançada neste domingo, 8 de outubro: Tem espetáculos e cinema no TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. Para quem tem filhotes de 6 meses a 4 anos de idade, no Sesc Iracema, às 17h, o grupo Zepelim conte outra vez reapresenta Borboletário, uma narrativa sobre o nascimento e a transformação, contada a partir do jogo entre o ator, os pais e a recepção poética dos bebês. Um lembrete! É necessário apresentar o documento de identificação da criança!

 

Para todas as idades

 

No Teatro Dragão do Mar, o Gaia Teatro (Bósnia/ Peru) apresenta às 18 horas, O Mundo de Fingerman, recomendado para público de todas as idades. É um premiado espetáculo onde, por meio da mímica e do teatro de animação, os personagens são criados a partir dos corpos das próprias atrizes. A peça ganhou o prêmio MASQUE de melhor produção estrangeira outorgado pela Academia de Artes Cênica de Québec (Canadá).

Cinema para crianças

 

E no Cinema do Dragão, tem TIC na Tela, com exibição de curtas de animação produzidos na França. As sessões acontecem às 16h, para crianças com até 6 anos de idade, e às 17h, para crianças a partir de 6 anos. O cinema de animação, eixo fundamental da sétima arte na França, apresenta uma pluralidade de olhares sobre a diversidade da sociedade francesa e sobre a sua História. Olhares de crianças sobre o mundo, olhares de adultos sobre a infância. São muitas as janelas sobre a França e as suas conexões com os outros continentes. São contos universais ou pequenas poesias animadas para pensar e rir.

 

Sessão para crianças com até 6 anos:

  • O som das chamas (3 min. 2014. Coletivo LISAA / escola)
  • A migração das bretãs (2 min. 2004. Coletivo – Les Gobelins /escola)
  • Ao fim do mundo (8 min. 1999. Konstantin Bronzit)
  • O balé (4 min. 2012. Louis Thomas)
  • O fabricante de instrumentos (4 min. 2013. Vincent Debuire)
  • A luva (8 min. 2014. Clémentine Robach)
  • Oktapodi (3 min. 2017. Coletivo – Les Gobelins / escola)
  • O príncipe pequeno demais (7 min. 2001. Zoïa Trofimova)

Sessão para crianças a partir de 6 anos:

  • 5 metros 80 (5 min. 2013. Nicolas Deveaux)
  • Lwas (2 min. 2012. Mathilde Vachet)
  • 3 pequenos pontos (3 min. 2010. Coletivo – Les Gobelins / escola)
  • À francesa (7 min. 2012. Coletivo – Escola de Arles)
  • Primeiro domingo de agosto (12 min. 2000. Florence Miailhe)
  • Flutuando na minha mente (3 min. 2013. Hélène Leroux – Les Gobelins / escola)
  • O gato de apartamento (7 min. 1999. Sarah Roper)
  • Adiante, em marcha! (4 min. 2013. Coletivo – ESMA / escola)
  • Sob os seus dedos (12 min. 2014. Marie-Christine Courtès)

Com acesso totalmente gratuito, o 7º TIC acontece de 6 a 12 em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. A programação pode ser consultada no www.festivaltic.com.br. O Festival é apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel. Realização: Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturágua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

PROGRAMAÇÃO – 08/10/2017 (domingo)

 

16h – Mostra TIC na Tela – Curtas Infantis Franceses

Recomendado para crianças com até 6 anos

Local: Cinema do Dragão do Mar

 

17h – Mostra TIC na Tela – Curtas Infantis Franceses

Recomendado para crianças a partir de 6 anos

Local: Cinema do Dragão do Mar

 

17h – Borboletário – Zepelim conte outra vez (Ceará)

Recomendado para crianças entre 6 meses e 4 anos

Local: Teatro Sesc Iracema

 

18h – O Mundo de Fingerman – Gaia Teatro (Bósnia/ Peru)

Recomendado para todas as idades

Local: Teatro Dragão do Mar

 

SERVIÇO

7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. De 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. É necessário apresentar o documento de identificação da criança. Informações: (85)3048.6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Programação GRATUITA.

 

ENDEREÇOS:

TEATRO SESC IRACEMA (Rua Boris, 90 – Praia de Iracema), THEATRO JOSÉ DE ALENCAR (R. Liberato Barroso, 525 – Centro) e CENTRO DRAGÃO DO MAR DE ARTE E CULTURA – CDMAC (R. Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema).

 

Rua Confúcio Pamplona, 340 – Benfica
Fortaleza • CE • Brasil • CEP: 60015-390
+55 (85) 3252-5401 | +55 (85) 9 8902-6992 (WA)
degage.com.br | @degage_imprensa

TIC e Escola Porta Iracema das Artes realizam aula-aberta “Figuras Corporais” de Ines Pasic sobre técnica de mímica e manipulação de bonecos

Ines Pasic é fundadora e diretora do Gaia Teatro, sediado em Lima (Peru), que apresenta “O mundo de Fingerman” no Festival Interncional de Teatro Infantil do Ceará.

Espetáculo “O Mundo de Fingerman”, do Gaia Teatro (Bósnia/ Peru)

 

A Escola Porto Iracema das Artes e o 7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará, realizam em Fortaleza a aula-aberta “Figuras Corporais”, ministrada por Ines Pasic, dia 9 de outubro, às 16h, no Porto Iracema das Artes. Ines Pasic é fundadora e diretora do Gaia Teatro, sediado em Lima (Peru), que traz ao festival “O Mundo de Fingerman”, um premiado espetáculo onde, por meio da mímica e do teatro de animação, os personagens são criados a partir dos corpos das próprias atrizes. A peça ganhou o prêmio MASQUE de melhor produção estrangeira outorgado pela Academia de Artes Cênica de Québec (Canadá). A aula-aberta é gratuita.

 

A base do trabalho de Ines Pasic é utilizar o próprio corpo para dar vida a personagens e manipulá-los, mesclando teatro de figuras e teatro de animação.  Seus espetáculos têm rodado o mundo, sobretudo, por festivais de teatro de animação e de mímica, reunindo prêmios de público e crítica.

 

Na aula-aberta, a artista compartilhará seus conhecimentos, suas investigações e suas experiências sobre figuras corporais. Sua fala se centrará nos fundamentos das técnicas de mímica e manipulação para criar jogos teatrais. Abordará a relação entre as diferentes partes do corpo (enquanto personagens) e o manipulador de bonecos.

 

SOBRE INES PASIC

 

De origem bósnia, Ines é formado pelo Conservatório de Saravejo. Ao lado do peruano Hugo Suárez, a artista estudo técnicas de mímica e fundou o “Teatro Hugo e Ines” em 1986. Interessada pelas possibilidades expressivas de cada parte do corpo, Ines e Hugo desenvolvem um estilo e uma linguagem próprios, que combinam técnicas de manipulação, mímica e dança. Suas produções se apresentaram em mais de quatrocentos festivais internacionais no Japão, EUA, Canadá, França, Brasil, Argentina, entre outros; bem como ganharam vários prêmios de crítica e público. Em 2003, funda o Gaia Teatro, junto a Gabriela Bermudez e Hugo Suarez. Atualmente, além de continuar seu trabalho artístico, Ines tem ministrado palestras e oficinas sobre teatro de figuras.

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º TIC é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturagua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Escola Porto Iracema das Artes, Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

SERVIÇO

 

Aula-aberta “Figuras Corporais” com Ines Pasic (Bósnia/ Peru) – Dia 9 de outubro, às 16 horas, no Porto Iracema das Artes (R. Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema). ACESSO GRATUITO.

 

7° TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará – De 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral.  Informações: (85) 3048 6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br.

 

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

 

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira

degage@degage.com.br / www.degage.com.br

Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913

Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria

Mostra de cinema “TIC na Tela” exibe curtas de animação franceses

A mostra acontece nos dias 7, 8, 12 e 14 de outubro, como parte do 7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará, que é apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel.  Toda a programação tem acesso gratuito.

Le Ballet (O balé), de Louis Thomas

 

A França estará presente no 7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará com a Mostra TIC na Tela, que acontecerá em Fortaleza nos dias 7, 8 e 12 de outubro, e em Sobral nos dias 12 e 14. Em exibição, curtas de animação produzidos na França.

 

O cinema de animação, eixo fundamental da sétima arte na França, apresenta uma pluralidade de olhares sobre a diversidade da sociedade francesa e sobre a sua História. Olhares de crianças sobre o mundo, olhares de adultos sobre a infância. São muitas as janelas sobre a França e as suas conexões com os outros continentes. São contos universais ou pequenas poesias animadas para pensar e rir.

 

Em Fortaleza, a mostra acontecerá no Cinema do Dragão, com cinco sessões destinadas a crianças com até 6 anos (dia 7 e 8 às 16h e dia 12 às 9h, 10h e 15) e cinco sessões para crianças a partir de 6 anos (dias 7 e 8 às 17h e dia 12 às 11h, 16h e 17h). Em Sobral, o TIC leva a mostra aos bairros de Terrenos Novos e Aprazível, ambos no dia 12, e Sumaré e Jaibaras no dia 14, com duas sessões em cada local, uma para crianças com até 6 anos (19h) e uma para público acima dos 6 anos de idade (19h40).

 

Com uma programação que mescla diferentes linguagens, estéticas e dramaturgias para todas as idades, o 7º TIC acontece de 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral, com toda a programação gratuita. Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturágua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

OS FILMES

 

Filmes recomendados para crianças com até 6 anos:

  • O som das chamas (3 min. 2014. Coletivo LISAA / escola)
  • A migração das bretãs (2 min. 2004. Coletivo – Les Gobelins /escola)
  • Ao fim do mundo (8 min. 1999. Konstantin Bronzit)
  • O balé (4 min. 2012. Louis Thomas)
  • O fabricante de instrumentos (4 min. 2013. Vincent Debuire)
  • A luva (8 min. 2014. Clémentine Robach)
  • Oktapodi (3 min. 2017. Coletivo – Les Gobelins / escola)
  • O príncipe pequeno demais (7 min. 2001. Zoïa Trofimova)

 

Filmes recomendados para crianças a partir de 6 anos:

  • 5 metros 80 (5 min. 2013. Nicolas Deveaux)
  • Lwas (2 min. 2012. Mathilde Vachet)
  • 3 pequenos pontos (3 min. 2010. Coletivo – Les Gobelins / escola)
  • À francesa (7 min. 2012. Coletivo – Escola de Arles)
  • Primeiro domingo de agosto (12 min. 2000. Florence Miailhe)
  • Flutuando na minha mente (3 min. 2013. Hélène Leroux – Les Gobelins / escola)
  • O gato de apartamento (7 min. 1999. Sarah Roper)
  • Adiante, em marcha! (4 min. 2013. Coletivo – ESMA / escola)
  • Sob os seus dedos (12 min. 2014. Marie-Christine Courtès)

 

SERVIÇO

TIC NA TELA – Dias 7, 8 e 12 de outubro em Fortaleza (Cinema do Dragão. Rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema) e dias 12 e 14 em Sobral (Terrenos Novos, Aprazível, Sumaré e Jaibaras) como parte da programação do 7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. Informações: (85)3048.6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Programação GRATUITA.

Em Fortaleza: Sessões para crianças com até 6 anos: Dia 7 e 8 às 16h; dia 12 às 9h, 10h e 15h. Sessões para crianças a partir de 6 anos: Dia 7 e 8 às 17h; dia 12 às 11h, 16h e 17h.

Em Sobral: Sessões para crianças com até 6 anos: Dia 12 às 19h (Terrenos Novos e Aprazível) e dia 14, às 19h (Sumaré e Jaibaras). Sessões para crianças a partir de 6 anos: Dia 12, às 19h40 (Terrenos Novos e Aprazível) e dia 14, às 19h40 (Sumaré e Jaibaras).

 

 

 

 

 

 

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

 

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira

degage@degage.com.br / www.degage.com.br

Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913

Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria

 

2017

7º TIC terá sessões com libras e audiodescrição

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará acontece de 06 a 12 em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. Toda a programação tem acesso gratuito.

 

Um festival para todas as infâncias. Com esse conceito o TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará chega à 7ª edição no período de 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral, com sessões gratuitas de espetáculos que mesclam diferentes linguagens, estéticas e dramaturgias para todas as idades. Na programação, o espetáculo “Alika e o mundo às avessas”, do Grupo Bricoleiros, terá duas sessões com audiodescrição e libras.

  

O Bricoleiros, considerado um dos principais grupos de teatro de animação do Ceará, apresenta o espetáculo Alika e o mundo às avessas. Serão também duas apresentações no 10 em Fortaleza com audiodescrição e libras: às 9h e às 14h no Teatro Dragão do Mar. Na peça, a pequena Alika não sabe como foi parar em um lugar inimaginável, repleto de seres inusitados. Ela embarcará em uma odisseia atrás de respostas para conseguir encontrar o caminho de casa. Nisso atravessará diversas dificuldades em lugares surreais, repletos de situações adversas com uma sucessão de acontecimentos improváveis. Fundado em 2004, o Grupo Bricoleiros, detentor de técnicas de confecção e de animação de marionetes, já circulou por diferentes cidades brasileiras e fora do país.

 

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º TIC é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturagua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

SERVIÇO

7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará. De 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. Informações: (85)3048.6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Programação GRATUITA.

 

PROGRAMAÇÃO COM AUDIODESCRIÇÃO E LIBRAS

 

10/10/2017 (terça-feira)

 

9h* e 14h* – Alika e o mundo às avessas – Grupo Bricoleiros (Ceará)

Recomendado para todas as idades

Sessão com audiodescrição e libras

Local: Teatro Dragão do Mar (R. Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema)

 

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

 

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira

degage@degage.com.br / www.degage.com.br

Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913

Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria

 

2017

Encontro de Narrativas para a Infância acontece em Sobral e Fortaleza durante o 7º TIC

ATENÇÃO! INSCRIÇÕES ENCERRADAS

Palestras e oficinas serão realizadas com foco na ate contemporânea e brincadeiras. As inscrições são gratuitas.

 

Desde 2013, o TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará realiza o Encontro de Narrativas para a Infância, um espaço de reflexão e discussão sobre os diferentes aspectos da Cultura Infância, perpassando por sua extensão antropológica, social, produtiva, econômica, simbólica e estética. São realizadas oficinas e palestras contemplando diferentes manifestações artísticas e culturais.  A proposta é refletir sobre a relação entre cultura e infância diante da contemporaneidade e reunir diferentes referências e perspectivas em torno da criação, produção e distribuição de conteúdo cultural.

 

Em 2017, o Encontro de Narrativas para a Infância ofertará, em Fortaleza e Sobral, palestras e oficinas sobre as convergências entre a arte contemporânea e o brincar, destacando as semelhanças dos processos criativos do artista e da criança e o papel do educador neste contexto. As atividades serão gratuitas e destinadas a educadores e artistas.

 

Em Fortaleza, as palestras e oficinas visam qualificar a equipe do Programa Brincando e Pintando do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Em Sobral, as palestras serão voltadas para educadores da rede de educação básica municipal. No entanto, todas as atividades também são abertas ao público mediante prévia inscrição.

 

Nas duas cidades serão proferidas as seguintes palestras:

 

“Mediação nos processos criativos e lúdicos” com Adriana Klisys (PA) – A palestra refletirá acerca da mediação nos processos criativos e lúdicos. Partirá do princípio que a criatividade não é algo que se ensina. Será destacado papel do educador no desenvolvimento artístico da criança e também qual é o seu limite. O brincar será reforçado no processo de mediação em artes.

 

“Arte Contemporânea e a Poética das crianças pequenas”, com Denise Nalini (SP) – O intuito é refletir sobre a interface entre a arte contemporânea e as crianças pequenas. A palestra destacará as interseções entre a poética da criança pequena e os modos de fazer arte contemporânea, constatando similaridades de temáticas e de procedimentos.

 

“Brinquedo, brincadeira e Arte Contemporânea”, com Simone Barreto (CE) – O intuito é refletir sobre processos artísticos da arte contemporânea na infância. A palestra destacará as possibilidades de pensarmos a criação de brincadeiras, brinquedos e experimentações artísticas por meio de performances, pinturas de ação, fotografias e instalações contemporâneas.

     

Em Fortaleza Adriana Klisys (PA) e Denise Nalini (SP) ministram, respectivamente, as oficinas “A imaginação que brinca” e “Brincar com Arte Contemporânea”, onde aprofundam assuntos abordados em suas palestras e trazem outras

 

PROGRAMAÇÃO EM SOBRAL

 

Palestras

Dia 02/10 (segunda-feira)

Local: a definir

 

14h – Palestra “Mediação nos processos criativos e lúdicos” com Adriana Klisys (PA)

14h30 – Palestra “Arte Contemporânea e a Poética das crianças pequenas”, com Denise Nalini (SP)

15h – Palestra “Brinquedo, brincadeira e Arte Contemporânea”, com Simone Barreto (CE)

15h30 – Debate com os palestrantes.

 

PROGRAMAÇAO EM FORTALEZA

 

Palestras

Dia 03/10 (terça-feira)

Local: Porto Iracema das Artes

 

16h – Palestra “Mediação nos processos criativos e lúdicos” com Adriana Klisys (PA)

16h30 – Palestra “Arte Contemporânea e a Poética das crianças pequenas”, com Denise Nalini (SP)

17h – Palestra “Brinquedo, brincadeira e Arte Contemporânea”, com Simone Barreto (CE)

17h30 – Debate com os palestrantes.

 

Oficinas

De 4 a 7/10 (quarta a sábado)

Local: Porto Iracema das Artes

 

8h30 às 12h30 – Oficina “A imaginação que brinca” com Adriana Klisys (PA) – 16h/a

Nesta oficina acontecem vivências estéticas, criativas e culturais permeadas de um toque sutil de brincadeira, onde os participantes terão a oportunidade de recordar o lado inventivo da infância. Será explorado um terreno fértil para a brincadeira e a arte se manifestarem em sua total potência. Os alunos vão apreciar e interagir com artistas que têm uma forte conexão com os aspectos lúdicos em suas obras.

 

14h às 18h – Oficina “Brincar com Arte Contemporânea” com Denise Nalini (SP) – 16h/a

Oferecer aos educadores oportunidades de conhecer a Arte Contemporânea, pode contribuir para reflexões sobre sua prática cotidiana e ampliar significativamente os campos de experimentação com as crianças. Nessa oficina, será percorrido um caminho que passo por propostas sensoriais e os modos de fazer da arte contemporânea.

 

CURRÍCULO DAS PALESTRANTES E PROFESSORAS

Adriana Klisys (PA) é considerada uma das mais importantes autoras brasileiras sobre o brincar na infância. Formada em psicologia pela PUC-SP, Klisys atua em diversos segmentos, como a criação de jogos, produção de materiais educativos, montagem de brinquedotecas, entre outras. Autora dos livros: Quer Jogar?, Ciência, Arte e Jogo, Brincar e Ler para Viver, Brinca Ciência volumes 1 e 2 e Bem-vindo, mundo! Sua brincadeira favorita é inventar.

Denise Nalini (SP) é Doutora pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo na linha de pesquisa de Psicologia e Educação/ FEUSP(2015). Mestrado em História e Filosofia da Educação/FEUSP (1996). Estuda e pesquisa as relações entre a poética da criança pequena e a Arte Contemporânea. Realiza consultorias presenciais e a distância em Arte-Educação, Educação Infantil e Leitura e Escrita.

 

Simone Barreto (CE) é artista visual, com ênfase em sua formação em desenho e gravura. Criou ÕWÃ, um projeto de brinquedos, brincadeiras de pano e práticas de arte educação. Ministra diversas oficinas e cursos de desenho, pintura, gravura, bordado, bonecos de pano para adultos e crianças.

 

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º TIC é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturagua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Escola Porto Iracema das Artes, Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Fecomércio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

SERVIÇO

 

7° TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará – De 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral.  Informações: (85) 3048 6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br.

 

Encontro de Narrativas para a Infância – Dia 02 de outubro em Sobral e de 3 a 7 em Fortaleza. Informações e inscrições: (85) 3048 6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br.

 

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

 

 

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira

degage@degage.com.br / www.degage.com.br

Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913

Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria

 

18.09.2016

TIC chega à 7ª edição como um festival para todas as infâncias

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará acontece de 06 a 12 em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. Toda a programação tem acesso gratuito.

Um festival para todas as infâncias. Com esse conceito o TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará chega à 7ª edição realizando 40 sessões gratuitas de espetáculos de artistas de diversos países. Com uma programação que mescla diferentes linguagens, estéticas e dramaturgias para todas as idades, o festival acontece de 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. O acesso é gratuito.

Do exterior, os espetáculos serão apresentados por artistas da Bélgica, Bósnia, Dinamarca, Espanha, Israel, Itália e Peru e as atrações nacionais são do Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Distrito Federal. A França também estará presente com a Mostra TIC na Tela, que acontecerá nos dias 7, 8 e 12 no Cinema do Dragão, com a exibição de curtas de animação produzidos na França. Serão cinco sessões destinadas a crianças com até 6 anos e cinco sessões para crianças a partir de 6 anos.

Com essa diversidade dos palcos, o TIC tem a proposta de oferecer uma mistura de atrações artísticas de qualidade para todos os gostos, como uma salada de frutas, cheia de cores, texturas e sabores, pronta para proporcionar ao público inúmeras sensações.

Esta edição do TIC se propõe ser como uma zona livre para a diversidade nos palcos e na plateia. Sobre a escolha do tema “Um festival para todas as infâncias”, os idealizadores e diretores do TIC, Osiel Gomes e Emídio Sanderson, detacam: “Somos todos um só povo, mas somos todos plurais. Carregamos diferenças em nossos corpos, nas nossas formas de ser, de habitar o mundo, de nos relacionar e celebrar. Num mundo onde somos forçados a nos encaixar a um padrão, ser diferente não é uma tarefa fácil. Envolve um processo de aceitação de nós mesmos, da nossa família, de nossos amigos e da sociedade”.

Apresentado pelo Ministério da Cultura, CAIXA e Enel, o 7º TIC é uma realização do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura (via Lei de Incentivo à Cultura). Tem o patrocínio da M Dias Branco e Caixa. Agradecimento: Naturagua e Enel. Apoio: Hapvida, Marisol e Governo do Ceará, através da sua Secretaria da Cultura. Parceria: Instituto Francês, Cinemateca da Embaixada da França, Consulado da França em Recife, Feccomercio, SESC, Theatro José de Alencar, Instituto Dragão do Mar, Prefeitura de Sobral e ECOA. Produção: Invento Produções Culturais. Promoção: Instituto Seara.

 

PARA RECÉM-NACIDOS

A abertura do 7º TIC será marcada por um espetáculo destinado a um público bem especial: recém-nascidos. Música nas Incubadoras é um trabalho desenvolvido pela Cia Studio Sereia, de Brasília. O trabalho reúne melodias vocais e sonoridades acústicas para a recuperação de bebês em incubadoras. São micros concertos apoiados no uso da voz e de diferentes instrumentos musicais que fazem referência simbólica aos quatro elementos da natureza. Este projeto se iniciou em Portugal e passou pela Espanha e por Brasília, tendo reconhecimento das famílias e da comunidade médica. Fundado pela cantora, multinstrumentista, compositora, diretora e atriz Fernanda Cabral, a Cia Studio Sereia e dedica, sobretudo, ao teatro para bebês, tendo como destaque a experiência da sua fundadora junto à companhia hispano-brasileira La Casa Incierta. As apresentações vão acontecer no dia 6, pela manhã e à tarde, no Hospital e Maternidade Eugênia Pinheiro, do grupo Hapvida, em Fortaleza.

 

PARA BEBÊS

Além do Música nas Incubadoras, da Cia Studio Sereia para recém-nascidos, e de Borboletário, do grupo Zepelim conte outra vez, para bebês, o TIC recebem pela terceira vez, a companhia hispano-brasileira La Casa Incierta, que traz para este adição seu novo trabalho de teatro também para bebês. A Gruta da Garganta é um canto poético sobre os laços invisíveis entre os seres humanos, o cordão umbilical que nos guia nos caminhos escuros da vida, como um misterioso fio de Ariadne. A apresentação será nos dias 11 e 12 em Fortaleza.

 

ESTREIA de QUATRO ESPETÁCULOS CEARENSES

A fim de ser uma vitrine para a produção de teatro infantil do Ceará, o 7º TIC será, mais uma vez, espaço de algumas estreias cearenses. O Senhor Ventilador é o novo trabalho do Grupo Bagaceira de Teatro, que aposta no teatro de objetos. Este é o quarto espetáculo para o público infantil, dentre os 16 montados pelo grupo, fundado há 17 anos. As apresentações acontecem nos dias 6 e 11 em Fortaleza.

O grupo Zepelim conte outra vez lança Borboletário, teatro para bebês, recomendado para crianças entre 6 meses e 4 anos. Este espetáculo é fruto da participação do grupo na oficina de teatro para bebês ofertada pelo Encontro de Narrativas para a Infância, realizado pelo TIC, em 2014 e 2015. O espetáculo terá sessões de 6 a 8 em Fortaleza e nos dias 11 e 12 em Sobral.

A Cia Prisma de Artes faz duas estreias nesta edição do TIC. A primeira é a montagem teatral A menina que buscava o sol, com direção de Herê Aquino, que será apresentado nos dias 10 e 11 em Fortaleza e dia 13 em Sobral. E no Dia das Crianças, 12 de outubro, o grupo estreia em Sobral o show musical Era Uma Vez Canta a Infância.

 

DESTAQUES INTERNACIONAIS

Atrações internacionais também são destaques no TIC. O Teatro Gaia (Bósnia/ Peru) apresenta O Mundo de Fingerman, um premiado espetáculo onde, por meio da mímica e do teatro de animação, os personagens são criados a partir dos corpos das próprias atrizes. O Circo Pitanga (Bélgica/ Israel), traz o espetáculo Cordas Nupciais, com números circenses de acrobacia, palhaços e teatro físico. Ambos serão apresentados nos dias 7 e 8 em Fortaleza.

O artista italiano radicado na Dinamarca, Paolo Nani, considerado um dos nomes mais importantes da comédia contemporânea, estará em Fortaleza no 12 de outubro com o seu premiado espetáculo A Carta, que desde 1992 já se apresentou mais de 1.200 vezes em 38 países. Unindo as linguagens do palhaço, do Teatro gestual e da comédia contemporânea, ele interpreta um homem que, numa tentativa de escrever uma carta, se envolve numa sequência de ações aparentemente normal. Inspirado em “Exercícios de estilo”, de Raymond Queneau, o espetáculo não deixa brecha para dois minutos sem risos na plateia.

 

MAIS DESTAQUES

Quem também está de volta aos palcos ceareneses é a Cia Pequod, do Rio de Janeiro, também traz seu novo espetáculo, Ovelha Negra. Em cena, bonecos e atores com show ao vivo de repertório somente de música de Rita Lee. A montagem será conferida pelo público de Fortaleza, nos dias 11 e 12.

Do Paraná, a Cia dos Palhaços apresenta a comédia musical Concerto em Ri Maior, um divertido espetáculo que mescla música, dança, improvisação, participação da plateia e, claro, muita palhaçada. Criado em 2004, o grupo é hoje composto por Eliezer Vander Brock (Palhaço Wilson), Felipe Ternes (Palhaço Sarrafo) e Nathalia Luiz (Palhaça Tinoca). O público poderá conferir o espetáculo no dia 12 em Fortaleza e dia 13 em Sobral.

O Bricoleiros, considerado um dos principais grupos de teatro de animação do Ceará, apresenta o espetáculo Alika e o mundo às avessas. Fundado em 2004, o grupo, detentor de técnicas de confecção e de animação de marionetes, já circulou por diferentes cidades brasileiras e fora do país. A apresentação será no dia 10 em Fortaleza, com libras e audiodescrição.

O K’Os Coletivo, do Ceará, é quem encerra a programação em Sobral, onde apresenta nos dias 15 e 16 seu mais recente trabalho, Guerra de Cup&Cake, uma comédia com palhaços, destinada a público de todas as idades.

 

MÚSICA

A cantora, violonista e compositora Badi Assad, uma das artistas mais inovadoras e singulares da música brasileira, traz ao festival o show musical Cantos de Casa. Transcendendo suas raízes brasileiras, ela faz uma mistura que vai desde a MPB, pop e world music, até o jazz e sons étnicos de todo o mundo. Sua apresentação encerra a programação em Fortaleza no dia 12 e será conferida pelo púbico de Sobral no dia 15.

 

ILUSTRA TIC

O Festival de Teatro Infantil do Ceará repete uma atividade que encantou o público infantil na edição de 2016, o Ilustra TIC. Ilustradores e crianças serão os criadores das obras de artes que darão o brilho na programação do Dia das Crianças, em Fortaleza, a partir das 16 horas na Praça Verde do Dragão do Mar. A ação conta com a participação dos artistas Rafael Limaverde, Julião Junior e Thyago Cabral, que criarão personagens em esculturas de caixas de papelão.

 

SERVIÇO
7º TIC – Festival Internacional de Teatro Infantil do Ceará – De 6 a 12 de outubro em Fortaleza e de 11 a 16 em Sobral. Informações: (85)3048.6077. Email: fest.teatroinfantil@gmail.com. Site: www.festivaltic.com.br. Programação GRATUITA.

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA:

Jornalistas Resp: Sônia Lage e Eugênia Nogueira
degage@degage.com.br / www.degage.com.br
Tel: (85)3252-5401 / 99989-5876 / 99989-3913
Instagram: @degage_imprensa / f: degageassessoria